Para mais informações entrar em contato.

DOMINGOS VIDAL BARBOSA

Nasceu em 1761, na Fazenda Juiz de Fora, filho de Antonio Vidal e Tereza Maria de Jesus. Seus bisavós maternos Antonio Barbosa Matos e Mariana Matos Coutinho foram pioneiros no Caminho Novo de Minas para o Rio de Janeiro.

Em 7-12-1785 matriculou-se na Escola de Medicina de Montpellier (França), aos 24 anos, filho de família riquíssima, poeta cheio de ideais sociais e de liberdade política, freqüentou no Rio de Janeiro sociedades literárias maçônicas e foi encaminhado para a França, assim como José Joaquim da Maia, para obter apoio, sob orientação do Professor Vigarous, maçom de destaque para nossa independência . Em maio de 1787, pede transferência para a Faculdade de Medicina de Bordeaux(existe boudeaux?) para facilitar seus contactos com Thomas Jefferson, Embaixador americano na França. Formou-se em 1788 e em outubro retornou ao Brasil para juntar-se aos inconfidentes mineiros. Em 6-6-1789 é recolhido à cadeia da relação do Rio de Janeiro. No final de 1791, é condenado à morte (forca e decapitação) com os 10 principais lideres da inconfidência. Somente em abril de 1792 esta pena de morte foi transformada em degredo, exceto para Joaquim José da Silva Xavier, Tiradentes. Em 24-6-1792 é embarcado na nau Golfinho via Lisboa para Cabo Verde, onde faleceu em setembro de 1793, aos 32 anos, no Convento de São Francisco, na cidade de Ribeira Grande, Ilha de São Tiago.

Desenvolvido por Absoluta Internet